#EMBR3 #LPSB3 #BRPR3 #ITSA4 #PETR417/10/19 - TUDO PARA LER em PRIMEIR... - GuiaInvest

Ibovespa

Desconectado
Crie sua conta
ou
faça o login
para criar sua lista de ações
TOP
Bob
  • 17 de outubro às 10:11
#EMBR3 #LPSB3 #BRPR3 #ITSA4 #PETR4

17/10/19 - TUDO PARA LER em PRIMEIRA LEITURA...

RECOMENDAÇÕES: ===>>

Ambev (BOV:ABEV3): Os analistas do Credit Suisse elevaram o preço-alvo para as ações da Ambev, de R$ 20,5 para R$ 22, e mantiveram a recomendação outperform (desempenho acima da média do mercado).

Eztec: Bradesco mantém recomendação neutra para ações após divulgação de prévia - “Mantemos recomendação neutra para a Eztec, que está sendo negociada com um rendimento de 8% contra os 13% para as nossas principais opções, Tenda (TEND3) e Direcional (DIRR3)”, comentaram os analistas Victor Tapia e Maria Clara Negrão. A corretora estipulou um preço-alvo de R$ 33 por ação até para o fim de 2019. - Desempenho trimestral - A Eztec apresentou um crescimento de 128% nos empreendimentos lançados no terceiro trimestre ante o mesmo período do ano passado, totalizando R$ 242 milhões. As vendas líquidas somaram R$ 343 milhões, alta de 183% na variação anual. A velocidade de vendas ficou em 21%. “Esperamos fluxo de caixa livre ligeiramente negativo no trimestre, enquanto a construção do Parque da Cidade e Esther Towers provavelmente dificultará a geração de caixa no curto e no médio prazo”, concluiu o banco.

PCAR4 - Ação do Pão de Açúcar está “em promoção”. O Credit Suisse estima um potencial de valorização de aproximadamente 34% para as ações. As ações do Pão de Açúcar (PCAR4) não estão “prestes a subir” no curto prazo, mas podem ser consideradas “em promoção”. Em uma análise publicada após a apresentação do resultado operacional do terceiro trimestre de 2019, o banco Credit Suisse alertou que os ativos da varejista na Bolsa estão em um nível considerado “muito descontado”. A empresa apontou um crescimento de 9,5% nas vendas totais ante o mesmo período de 2018 e alta de 10,3% na receita líquida de venda. As vendas no quesito “mesmas lojas” – abertas há no mínimo 12 meses – apresentaram crescimento de apenas 1,7%. Apesar de não observar um fato impulsionar às ações no curto prazo, os analistas Victor Saragiotto e Pedro Pinto observam que há três principais eventos que podem fazer o mercado reavaliar o preço dos papéis: Assaí Supermercados - Já foram inauguradas 9 lojas Assaí em 2019; São mais 10 previstas até o final de dezembro:
1 – Ainda há um efeito positivo do amadurecimento das novas lojas do Assaí; - 2 – Benefícios das mudanças implementadas pela administração na disposição de produtos das lojas; e 3 – A migração para o Novo Mercado, nível mais elevado da B3, deve melhorar a governança corporativa. “Vemos a ação negociando a 16,5 vezes o lucro estimado para 2020, o que parece muito descontado em nossa visão, considerando principalmente os altos patamares já atingidos pela maioria das outras varejistas”, explicam. O Credit Suisse recomenda a compra das ações. O preço-alvo estimado para 12 meses é de R$ 112, o que sugere um potencial de valorização de 35%.

Linx é única no setor, vendas devem aumentar e ação pode subir 30%, diz BTG. “Pequena, mas interessante”. Está é a avaliação do BTG Pactual diante da aquisição da Linx (LINX3) da SetaDigital por R$ 36,8 milhões, em relatório enviado a clientes. A compra foi efetivada com relação de 2,5 vezes o total de vendas da adquirida. De acordo com o banco, o valor foi “bastante atrativo”, pela comparativo com o mesmo indicador da Linx, na casa de 5,6 vezes. “A Linx não somente reforça sua posição no segmento de calçados como também eleva as possibilidades de vendas [da Linx Pay e da Linx Digital] dentro destes setores”, apontam Carlos Sequeira, Bernardo Teixeira, Osni Carfi e Thiago Kapulskis, analistas do banco. Uníssona - As ações possuem recomendação de compra, com preço-alvo de R$ 45,00. Se as projeções se confirmarem, os papeis podem subir 30,1% em doze meses, de acordo com a cotação de fechamento da última terça-feira (15).



************************
********************************
******************************************

DESTAQUES: ===>>

Copel lança programa e prevê investir R$2,9bi em distribuição de energia até 2025 para modernizar rede de distribuição

BB anuncia renúncia de presidente de conselho; Carlos Motta assume cargo

Minério de ferro fica abaixo de US$ 90. Analistas de grandes bancos de investimento avaliam que o preço do minério deve encerrar o ano entre US$ 85 e US$ 90 a tonelada

Renova confirma recuperação judicial. Com dívidas de R$ 3,1 bilhões, geradora recorre à Justiça, um dia após Light deixar bloco de controle. Justiça aceita recuperação judicial da Renova Energia; nomeia KPMG como gestora

Capitalização da Eletrobras prepara sua privatização. Aumento de capital vai limpar balanço e reforçar caixa da estatal. Eletrobras estima entrada de até R$5,1 bi com eventual aumento de capital

JHSF estuda oferta pública de distribuição primária de ações

BR Properties compra 50% do edifício Faria Lima 4440

Azul vai investir R$ 6 bi no país em 2020

América Móvil está aberta para negociar com a Oi

Positivo abre os cofres no Paraná. Em uma semana, Positivo faz aquisição de seis novas unidades; grupo planeja investir 200 milhões de reais no próximo ano

Vendas totais do GPA somam R$ 14,6 bilhões no 3T19

A Tenda anunciou que as vendas líquidas da empresa totalizaram R$ 536,9 milhões no terceiro trimestre de 2019, sendo um aumento de 9,6% e de 11,9% em relação ao VGV (Valor Geral de Vendas) do 3T18 e do 2T19, respectivamente

Lucro trimestral do Morgan Stanley supera estimativas

Correios anunciam reajuste de 6,34% nas tarifas de encomendas. Estatal afirma que precisa 'equilibrar o impacto dos custos na prestação dos serviços'

NETFLIX - Crescimento de assinantes da Netflix supera estimativas antes de lançamento de serviços rivais. Investidores estavam preocupados com desempenho da companhia conforme a Disney e a Apple se preparam para intensificar a guerra dos serviços de streaming

Aumento de compras em free shops pode ajudar aeroportos em dificuldade. Governo ampliou para US$ 1.000 teto para gastos de viajantes

Exigência de CPF no Imposto de Renda faz 1,2 milhão de dependentes 'desaparecer'. Mais rigor do Fisco derruba o número de crianças e adolescentes na declaração de pessoa física



A B3 informou que o Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf) deu uma decisão favorável à empresa em um caso avaliado em cerca de R$ 3,3 bilhões. O caso refere-se a autos de infração sobre amortização fiscal do ágio nos exercícios 2012 e 2013, gerado por conta da incorporação da Bovespa pela BM&F, em 2008, que deu origem à B3. A Procuradoria Geral da Fazenda Nacional pode apresentar recurso da decisão, acrescentou a B3.

O presidente da Eletrobras, Wilson Ferreira Júnior, disse que a proposta de aumento de capital da companhia, de cerca de R$ 10 bilhões, busca preparar a companhia elétrica para o processo de privatização. Com esses valores, a empresa vai limpar e reforçar o caixa, além de poder liberar o pagamento da reserva especial de dividendos, de R$ 2,3 bilhões, referente a 2020. Segundo ele, o governo deve encaminhar este mês PL ao Congresso para privatização.

O Valor Econômico traz que a JBS se prepara para apresentar ao mercado, no primeiro trimestre de 2020, uma nova proposta societária e listagem de ações na bolsa de Nova York (Nyse). Segundo a publicação, a empresa busca reunir as operações internacionais, que representam 75% do faturamento do grupo, nesta nova empresa. Já no Brasil, na B3, ficaria listada, no Novo Mercado, apenas a estrutura nacional.

O presidente da Azul, John Rodgerson, diz que a empresa estuda abrir novas rotas internacionais, mas decidiu não fazer anúncios agora por causa da valorização do dólar ante o real, que encarece e desestimula viagens ao exterior. Rodgerson ressalta ainda que a companhia pretende expandir para 150 o número de localidades em que opera nos próximos cinco anos. Hoje, a empresa atende 114 cidades, sendo pouco mais de 100 dentro do País.


LPS Brasil faz oferta de ações que pode alcançar R$ 209 milhões. A LPS Brasil, consultoria imobiliária (antiga Lopes), anuncia oferta primária de ações com esforços restritos. São inicialmente 21 milhões de novas ações com previsão de lote adicional de até 35%, de modo que a oferta subsequente ("follow on") pode somar cerca de R$ 209 milhões, à cotação do fechamento de quarta-feira, 16, de R$ 7,37. O preço da ação será definido ao final do procedimento de coleta de intenções ("bookbuilding"), que se inicia nesta quinta-feira, 17, e encerra em 29/10. Os bancos coordenadores são Itaú BBA (líder), BTG Pactual e Bradesco BBI. O início das ações objeto da oferta será dia 31/10. Os recursos obtidos serão destinados a investimentos em tecnologia e marketing; capital de giro e potenciais aquisições ou investimentos em ativos relacionados à tecnologia, como explica a companhia.


A Companhia Paranaense de Energia – COPEL (CPLE3, CPLE5, CPLE6) lançou hoje um novo programa de modernização de sua rede de distribuição de energia, o “Programa Transformação”. Formado pelos projetos “Confiabilidade Total”, “Smart Grid Copel” e “Paraná Trifásico”, o objetivo é, segundo a Copel, aprimorar a infraestrutura, em especial na região rural, para aumentar a qualidade do fornecimento de energia e a agilidade no restabelecimento do serviço em caso de interrupções. “Com perspectiva de investimentos na ordem de R$ 2,9 bilhões até 2025, os quais deverão integrar a Base de Remuneração, o programa abrange a construção de, aproximadamente, 25 mil km de novas redes, 15 mil novos pontos automatizados e a implementação da tecnologia de redes inteligentes no estado do Paraná”, destacou a Copel.


A EDP – Energias do Brasil (ENBR3) informou que recebeu, no dia 15 de outubro de 2019, a Licença de Instalação (LI) do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA), para a empresa EDP Transmissão SP-MG S.A. referente a Linha de Transmissão LT 500 KV SE Cachoeira Paulista – SE Estreito, entre os estados de São Paulo e Minas Gerais. A obtenção da LI estava prevista para até fevereiro de 2020, o que reflete uma antecipação de 4 meses do início da obra frente a esse cronograma.


A Transmissora Aliança de Energia Elétrica (TAEE11) informou que o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis – IBAMA emitiu a Licença de Instalação (LI) para sua subsidiária Empresa Sudeste de Transmissão de Energia (ESTE). Com a obtenção da LI, a ESTE está autorizada a iniciar as suas obras. ESTE é um empreendimento do lote 22, do leilão de transmissão nº 013/2015 (parte 2), 100% controlada pela subsidiária Empresa Amazonense de Transmissão de Energia (EATE), na qual a Taesa participa em parceria com a Alupar, na proporção de 49,98% e 50,02%, respectivamente. A ESTE apresenta uma RAP total de R$ 112,2 milhões para o ciclo 2019-2020 e um Capex Aneel de R$ 486 milhões. O empreendimento está localizado entre os Estados de Minas Gerais e Espírito Santo, com extensão aproximadamente de 236 km de linhas de transmissão. O prazo estipulado pela ANEEL para energização da ESTE é fevereiro de 2022.


- Renova Energia (SA:RNEW11)

A elétrica Renova Energia (SA:RNEW11) teve deferido pela 2ª Vara de Falências e Recuperações Judiciais da Comarca do Estado de São Paulo seu pedido de recuperação judicial, que listou 3,1 bilhões de reais em dívidas, das quais quase 1 bilhão de reais junto ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). A Renova (SA:RNEW11) disse em fato relevante na noite de quarta-feira que a Justiça ainda nomeou a KPMG Corporate Finance, representada por Osana Mendonça, para atuar como administradora judicial, e determinou a suspensão de execuções contra empresas do grupo por 180 dias. A companhia deverá prestar contas até o dia 30 de cada mês enquanto perdurar o processo de recuperação, sob pena de afastamento dos controladores e substituição dos administradores das empresas do grupo.


- Eletrobras (SA:ELET3)

A Eletrobras (SA:ELET3) estimou nesta quarta-feira que poderá levantar até 5,1 bilhões de reais com um planejado aumento de capital por subscrição de até 9,98 bilhões de reais, segundo uma apresentação da empresa divulgada ao mercado. Nesse cenário, um mínimo de 4,05 bilhões seria integralizado pela União, controladora da empresa, por meio da capitalização de Adiantamentos para Futuro Aumento de Capital (AFACs). O montante máximo inclui a participação de fundos do governo, BNDES/BNDESpar e 100% dos minoritários. No cenário em que 60% dos minoritários participem, além da União, a entrada de recursos seria de 1,9 bilhão de reais. Na véspera, a estatal informou a aprovação pelo seu conselho de administração de convocação de assembleia de acionistas em 14 de novembro para deliberar sobre o tema.


- BR Properties (SA:BRPR3)

A administradora de imóveis comerciais BR Properties (SA:BRPR3) anunciou nesta quarta-feira a compra de participação de 50% do edifício Faria Lima 4440, na cidade de São Paulo, por preço total de 310,67 milhões de reais. A participação foi comprada do fundo de investimento imobiliário VBI FL 4440. “A aquisição desta propriedade vai ao encontro da estratégia da companhia de consolidar seu portfólio em ativos “Triple A”, localizados nas regiões centrais da cidade de São Paulo”, disse a companhia em comunicado ao mercado. Na segunda-feira, a BR Properties (SA:BRPR3) anunciou a compra de empreendimentos dentro do Condomínio Parque da Cidade, na capital paulista, por 766 milhões de reais.


- B3

A B3 informou nesta quarta-feira que obteve decisão favorável no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf) envolvendo ágio na incorporação da Bovespa, há cerca de uma década, num processo avaliado em cerca de 3,3 bilhões de reais. A câmara baixa do Carf proferiu decisão favorável ao recurso apresentado pela B3, informou a companhia em comunicado. A empresa contesta uma multa aplicada pela Receita Federal, que questionou a amortização, para fins fiscais, nos exercícios de 2012 e 2013, do ágio gerado na incorporação da Bovespa pela então BM&F, em março de 2008, que deu origem à B3. “Segundo a opinião de nossos assessores legais, a Procuradoria Geral da Fazenda Nacional pode apresentar recurso da decisão”, afirmou a B3 no documento.


- Embraer (SA:EMBR3)

O PDT enviou ao Supremo Tribunal Federal um pedido de liminar em caráter de urgência para suspensão do processo de venda do controle da divisão de aviação comercial da Embraer (SA:EMBR3) para a norte-americana Boeing, informou o diretório nacional do partido. O pedido de liminar foi protocolado nesta semana, e o caso está nas mãos do ministro Luiz Roberto Barroso. A ação cita que o negócio viola o princípio da soberania nacional e critica o não uso do poder de veto da União ao negócio por parte do governo de Jair Bolsonaro, por ocasião da assembleia de acionistas da fabricante brasileira realizada no final de fevereiro. A própria realização da assembleia que aprovou a operação é alvo de pedido de nulidade na ação. O negócio foi anunciado em meados do ano passado e envolve também uma parceria das duas empresas para venda do cargueiro nacional KC-390. A expectativa das duas empresas era que a conclusão da venda do controle da divisão ocorresse no final deste ano, mas órgãos de defesa da concorrência da União Europeia decidiram abrir uma investigação aprofundada sobre a operação, marcando como prazo para uma decisão 20 de fevereiro do próximo ano.


- JHSF (SA:JHSF3)

A JHSF (SA:JHSF3) anunciou nesta quarta-feira que estuda fazer uma oferta pública primária de ações e que contratou trabalhos preparatórios em conjunto com BTG Pactual (SA:BPAC11) e Bradesco BBI. Na semana passada, a companhia havia anunciado que assinou contratos para abrir, em Manhattan, Nova York, atividades de hospitalidade e gastronomia, para expandir a marca Fasano.


B3 (B3SA3)

A B3 informou que o Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf) deu uma decisão favorável à empresa em um caso avaliado em cerca de R$ 3,3 bilhões. O caso refere-se a autos de infração sobre amortização fiscal do ágio nos exercícios 2012 e 2013, gerado por conta da incorporação da Bovespa pela BM&F, em 2008, que deu origem à B3. A Procuradoria Geral da Fazenda Nacional pode apresentar recurso da decisão, acrescentou a B3.


JBS (JBSS3)

O Valor Econômico traz que a JBS se prepara para apresentar ao mercado, no primeiro trimestre de 2020, uma nova proposta societária e listagem de ações na bolsa de Nova York (Nyse). Segundo a publicação, a empresa busca reunir as operações internacionais, que representam 75% do faturamento do grupo, nesta nova empresa. Já no Brasil, na B3, ficaria listada, no Novo Mercado, apenas a estrutura nacional. A nova tentativa, ressalta o Valor, acontece após uma tentativa frustrada, 2016, quando BNDESPar, dono de 21,9% das ações do JBS, abortou a operação. Como o poder de veto ao banco expira em dezembro, conforme o acordo de acionistas da companhia, a família Batista, detentora de 42,5% do capital, pretende, agora, retomar o plano.


Cyrela (CYRE3)

A Cyrela registrou vendas líquidas contratadas no terceiro trimestre de R$ 1,554 bilhão, valor 64,9% superior ao registrado no mesmo período do ano passado, R$ 943 milhões). No ano, as vendas atingiram um volume de R$ 4,515 bilhões, 72,6% superior ao mesmo período do ano anterior. A participação da Companhia nas vendas contratadas foi de 75% no terceiro trimestre, ante 73% no mesmo período do ano anterior. No ano, a participação da Cyrela nas vendas contratadas foi de 75% ante 68% no mesmo intervalo de 2018. Das vendas líquidas, R$ 272 milhões se referem à venda de estoque pronto (18%), R$ 505 milhões à venda de estoque em construção (32%) e R$ 777 milhões à venda de lançamentos (50%). Dessa forma, a Cyrela atingiu uma velocidade de vendas (VSO) de lançamentos de 44% no trimestre. A Companhia lançou 22 empreendimentos no trimestre totalizando um volume de R$ 1,777 bilhão, 93,6% superior ao realizado no terceiro trimestre de 2018 (R$ 918 milhões). As permutas nos lançamentos foram R$ 56 milhões ante R$ 70 milhões de um ano antes.. No ano, os lançamentos atingiram R$ 4,411 bilhões, alta de 89,0%.


Azul (AZUL4)

O presidente da Azul, John Rodgerson, diz que a empresa estuda abrir novas rotas internacionais, mas decidiu não fazer anúncios agora por causa da valorização do dólar ante o real, que encarece e desestimula viagens ao exterior. Rodgerson ressalta ainda que a companhia pretende expandir para 150 o número de localidades em que opera nos próximos cinco anos. Hoje, a empresa atende 114 cidades, sendo pouco mais de 100 dentro do País.
O presidente da companhia aérea afirmou ainda que os investimentos da empresa este ano no Brasil devem somar R$ 6 bilhões, cifra que deverá ser repetida em 2020. “É tempo de acelerar no Brasil”, disse, de acordo com o Valor Econômico, durante evento de apresentação da nova aeronave da Embraer 195 E-2.


Eletrobras (ELET3;ELET6)

O presidente da Eletrobras, Wilson Ferreira Júnior, disse que a proposta de aumento de capital da companhia, de cerca de R$ 10 bilhões, busca preparar a companhia elétrica para o processo de privatização. Com esses valores, a empresa vai limpar e reforçar o caixa, além de poder liberar o pagamento da reserva especial de dividendos, de R$ 2,3 bilhões, referente a 2020. Segundo ele, o governo deve encaminhar este mês PL ao Congresso para privatização. Ferreira Junior rechaçou ainda a informação de que tenha havido qualquer pressão do governo para capitalizar a estatal, por meio da operação do aumento de capital anunciada na terça-feira, 15, para gerar recursos à União por meio do pagamento de dividendos, para o fechamento das contas do ano. “Houve total independência da companhia na proposição para o Conselho de Administração e na aprovação pelo Conselho”, disse o executivo, durante teleconferência com analistas e investidores. Ele defendeu que, se o governo efetivamente quisesse os recursos da Eletrobras, seria mais fácil realizar diretamente a capitalização dos cerca de R$ 4 bilhões de Adiantamentos para Futuro Aumento de Capital (AFACs) e com esse recurso pagar os dividendos, alternativa em que a União receberia um volume maior de recursos. O presidente da Eletrobras ainda afirmou que a companhia não vai recalcular o valor por ação proposto na operação de aumento de capital anunciada pela companhia. O preço indicado para a emissão de novas ações é de R$ 35,72 por ação ordinária e R$ 37,50 por ação preferencial classe “B”, o que tem sido questionado por analistas e investidores. A companhia justificou que o valor foi definido com base em uma média ponderada das respectivas cotações das ações de emissão da Companhia verificadas no fechamento dos últimos 30 pregões da B3 anteriores à 7 de outubro de 2019 (inclusive), em relação ao preço médio ponderado pelo volume de ações negociadas no período, e considerando-se o deságio aplicado de 15%.


JHSF (JHSF3)

A JHSF Participações informou que está estudando a possibilidade de realização de uma eventual oferta pública de distribuição primária de ações. Para tanto, estão sendo conduzidos trabalhos preparatórios em conjunto com instituições financeiras, o Banco BTG Pactual e o Banco Bradesco BBI, além de demais assessores legais para definição da viabilidade e dos termos da potencial Oferta. “Destaca-se que a efetiva realização da oferta, assim como qualquer operação deste tipo, está sujeita, entre outros fatores, à obtenção das aprovações necessárias, incluindo as respectivas aprovações societárias aplicáveis, às condições políticas e macroeconômica favoráveis, ao interesse de investidores, dentre outros fatores alheios à vontade da Companhia. Caso efetivada, a Oferta será conduzida em conformidade com a legislação e regulamentação aplicáveis”, afirmou.


Yduqs (YDUQ3)

A Yduqs, antiga Estácio, poderá oferecer o curso de medicina em Iguatu (Ceará), conforme programa Mais Médicos II, com o oferecimento de 50 vagas. Dessa forma, a empresa informou que o total de vagas autorizadas para o curso de medicina atingiu 1.111, em 12 instituições de ensino, no Rio de Janeiro, Ceará, São Paulo, Bahia, Santa Catarina e Pará. Em comunicado ao mercado, a empresa informou que foi expedida, em 14 de outubro, pela Secretária de Regulação e Supervisão da Educação Superior do MEC, a Portaria nº 460 para revogar os efeitos do artigo 3º da Portaria nº 924, de 27 de dezembro de 2018, a qual suspendia a proposta de autorização de funcionamento do Curso de Medicina em Iguatu. “Em razão desta revogação, passa a valer os efeitos do Edital SERES/MEC nº 1 de 28 de março de 2018 para autorizar o funcionamento do Curso de Medicina no município em referência, com 50 vagas autorizadas por ano”, afirmou.

*****

B3 (BOV:B3SA3): A B3 informou que o Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf) deu uma decisão favorável à empresa em um caso avaliado em cerca de R$ 3,3 bilhões. O caso refere-se a autos de infração sobre amortização fiscal do ágio nos exercícios 2012 e 2013, gerado por conta da incorporação da Bovespa pela BM&F, em 2008, que deu origem à B3.

Cyrela (BOV:CYRE3): A Cyrela registrou vendas líquidas contratadas no terceiro trimestre de R$ 1,554 bilhão, valor 64,9% superior ao registrado no mesmo período do ano passado, R$ 943 milhões). No ano, as vendas atingiram um volume de R$ 4,515 bilhões, 72,6% superior ao mesmo período do ano anterior.

Azul (BOV:AZUL4): O presidente da Azul, John Rodgerson, diz que a empresa estuda abrir novas rotas internacionais, mas decidiu não fazer anúncios agora por causa da valorização do dólar ante o real, que encarece e desestimula viagens ao exterior. Rodgerson ressalta ainda que a companhia pretende expandir para 150 o número de localidades em que opera nos próximos cinco anos.

Eletrobras (BOV:ELET3)(BOV:ELET6): O presidente da Eletrobras, Wilson Ferreira Júnior, disse que a proposta de aumento de capital da companhia, de cerca de R$ 10 bilhões, busca preparar a companhia elétrica para o processo de privatização. Com esses valores, a empresa vai limpar e reforçar o caixa, além de poder liberar o pagamento da reserva especial de dividendos, de R$ 2,3 bilhões, referente a 2020.

JHSF (BOV:JHSF3): A JHSF Participações informou que está estudando a possibilidade de realização de uma eventual oferta pública de distribuição primária de ações. Para tanto, estão sendo conduzidos trabalhos preparatórios em conjunto com instituições financeiras, o Banco BTG Pactual e o Banco Bradesco BBI, além de demais assessores legais para definição da viabilidade e dos termos da potencial Oferta.


/////

Secretário diz ter “feeling” que a economia vai crescer mais de 3% em 2020
Sachsida lança nesta quinta o documento “Muito Além da Previdência: A economia nos primeiros nove meses do governo”

Menos de 50% dos gestores veem a Bolsa acima de 110 mil no fim de 2019
Pesquisa do Merrill Lynch mostra que o otimismo dos investidores com o mercado acionário diminuiu nos últimos três meses

FMI prevê pico da dívida sobre PIB no último ano do governo
Últimos números do Monitor Fiscal do FMI mostram que a dívida bruta do Brasil deve ficar mais alta em 2019 e 2020

Divórcio próximo: UE e Reino Unido fecham acordo sobre Brexit
Representantes do Reino Unido e da UE estavam reunidos desde o início da semana em Bruxelas tentando fechar acordo

STF começa julgamento que pode beneficiar Lula e outros 4,9 mil
Corte vai analisar a legalidade do cumprimento de pena após condenação em segunda instância em três ações relatadas pelo ministro Marco Aurélio

Banco do Brasil precifica oferta de ações de até R$ 6 bilhões
Enquanto isso, nos Estados Unidos, o banco Morgan Stanley fecha a semana de balanços dos grandes bancos norte-americanos

Começa o saque do PIS/Pasep para os nascidos em outubro
Os valores a serem recebidos variam de R$ 84 a R$ 998, de acordo com a quantidade de dias trabalhados durante o ano de 2018

Gilmar e Bolsonaro se reúnem na véspera de julgamento sobre 2ª instância
Reunião do presidente aconteceu com mais dois integrantes da Suprema Corte e porta-voz diz que assunto não será divulgado

Relator exclui Dilma e Lula do relatório da CPI do BNDES
Retirada foi uma tentativa de construção de um acordo com deputados da oposição, porém não gerou o resultado esperado

No limite do prazo, MP que reestrutura governo é aprovada no Senado
Proposta que retira articulação de Lorenzoni foi aprovada na Câmara na terça, apesar de o PSL orientar deputados a obstruir proposta por crise com Bolsonaro

Tabata Amaral e mais quatro deputados pedem desfiliação partidária
PDT e PSB passaram a punir os deputados desde que eles votaram a favor da reforma da Previdência na Câmara

Óleo em praias é caso de poluição sem precedente, diz Ricardo Salles
Salles reiterou que o governo federal tem tomado todas as medidas necessárias à identificação do óleo e sua origem, ainda não determinada

MEC vai liberar R$ 43 milhões para obras em 96 instituições federais
De acordo com o ministério, desse total, R$ 14 milhões vão para concluir 54 obras que já estão com andamento de 75% ou mais

Líder do movimento pró-democracia de Hong Kong é atacado com martelos
Jimmy Sham é o principal porta-voz da FCDH, um grupo que defende a não-violência e organizou uma série de marchas pacíficas no país

Análise: Agenda liberal de Guedes deve ser desafiada em 2020
“Se tivermos retomada mais robusta, a política melhora. Se não, entra desespero no Congresso”, diz Christopher Garman, analista da consultoria Eurasia

Senado aprova prorrogar apropriação de créditos do ICMS por Estados
O projeto adia de 2020 para 2033 o prazo que governos estaduais têm para se apropriar de créditos do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços

Não houve pressão para capitalizar companhia, diz presidente da Eletrobras. Declaração ocorre após aumento de capital anunciado na terça para gerar recursos à União por meio do pagamento de dividendos

PDT quer suspender venda de principal divisão da Embraer para Boeing
Negócio foi anunciado em meados do ano passado e envolve também uma parceria das duas empresas para venda do cargueiro nacional KC-390

IBM tem receita menor do que a esperada no 3º trimestre, e ações recuam
A receita total da empresa de tecnologia caiu 3,9%, para US$ 18,03 bilhões, abaixo da expectativa média de R$ 18,2 bilhões





************************
********************************
******************************************

BOLSAS INTERNACIONAIS: ===>>


O premier britânico Boris Johnson publicou pelo Twitter, às 6h35, que foi fechado um acordo para o Brexit. Ele escreveu que houve “um ótimo novo acordo” e que, agora, “o Parlamento deve finalizar o Brexit no sábado, para que possamos passar para outras prioridades”, como custo de vida, crimes violentos e meio ambiente.

Já o presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, em mensagem, também pelo Twitter, no mesmo horário, escreveu que, “onde existe vontade, existe um acordo – nós temos um!”. Segundo ele, é um acordo “justo e equilibrado” para União Europeia e o Reino Unido, sendo uma “prova do compromisso em encontrar soluções”.

A confirmação do acordo levou os índices futuros de Nova York e as bolsas europeias a ampliarem os seus ganhos nesta manhã.

Ajuda ainda no otimismo dos mercados, a confirmação, por parte do Ministério de Comércio da China, de que o país irá ampliar as compras de produtos agrícolas dos Estados Unidos, no momento em que Pequim e Washington trabalham no texto de um acordo comercial preliminar.

“Pela Fase 1 do acordo com os EUA, a China vai aumentar as compras de produtos agrícolas dos EUA com base na demanda doméstica e princípios de mercado, ao mesmo tempo em que os EUA ofereçam condições favoráveis”, afirmou o porta-voz do ministério, Gao Feng, durante coletiva de imprensa de rotina, de acordo com a Dow Jones.

Gao não citou o volume de importação de US$ 50 bilhões mencionado pelo presidente dos EUA, Donald Trump, número que está bem acima de qualquer montante que a China historicamente tenha gastado em qualquer ano. O porta-voz também não disse quando os dois países poderão assinar um acordo comercial. Gao reiterou ainda a exigência da China de que os EUA removam todas as tarifas impostas a produtos chineses.

A China informou ainda que atraiu US$ 11,52 bilhões em investimento estrangeiro direto (IED) em setembro, 0,5% mais do que em igual mês do ano passado, segundo dados publicados hoje pelo Ministério de Comércio chinês. No acumulado de janeiro a setembro, o IED na China aumentou 2,9% em relação ao mesmo período de 2018, a US$ 100,78 bilhões, informou o ministério.

Já na Europa, as vendas no varejo do Reino Unido ficaram estáveis em setembro ante agosto, segundo dados publicados hoje pelo Escritório Nacional de Estatísticas (ONS, na sigla em inglês) do país. O resultado veio acima da expectativa de analistas consultados pelo The Wall Street Journal, que previam queda de 0,3% nas vendas. Na comparação anual, o setor varejista britânico ampliou as vendas em 3,1% em setembro, variação que ficou em linha com a projeção do mercado.

Confira o desempenho dos mercados, segundo cotação das 07h35 (horário de Brasília)

*S&P 500 Futuro (EUA), +0,43%
*Nasdaq Futuro (EUA), +0,48%
*Dow Jones Futuro (EUA), +0,45%

*DAX (Alemanha), +0,75%
*FTSE (Reino Unido), +0,59%
*CAC-40 (França), +0,52%
*FTSE MIB (Itália), +0,74%

*Hang Seng (Hong Kong), +0,69% (fechado)
*Xangai (China), -0,05% (fechado)
*Nikkei (Japão), -0,09% (fechado)

*Petróleo WTI, -0,41%, a US$ 53,14 o barril
*Petróleo Brent, -0,24%, a US$ 59,28 o barril

**Contratos futuros do minério de ferro negociados na bolsa de Dalian fecharam com queda de 2,23%, cotados a 615,00 iuanes, equivalentes a US$ 86,87 (nas últimas 24 horas). USD/CNY= 7,0788 (-0,18%)

*Bitcoin, US$ 8.113,31, -0,63%
R$ 33.773, +0,16% (nas últimas 24 horas)


Em TÓQUIO, o índice Nikkei recuou 0,09%, a 22.451 pontos. Em HONG KONG, o índice HANG SENG subiu 0,69%, a 26.848 pontos. Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 0,05%, a 2.977 pontos. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, avançou 0,06%, a 3.925 pontos.

Nos mercados europeus, a quinta-feira dá sinais positivos para a maioria das praças. Em Frankfurt, o DAX tem ganhos de 0,27% aos 12.704 pontos, enquanto que em Londres, o FTSE soma 0,35% aos 7.192 pontos. Já em Paris, o CAC tem leve queda de 0,14% aos 5.689 pontos.

COMMODITIES

A preocupação com a demanda chinesa por minério de ferro mais uma vez contribuiu para a queda do preço dos contratos futuros do produto, negociado na bolsa de mercadorias de Dalian. O ativo com o maior volume de negócios, com entrega para janeiro do próximo ano, cedeu 2,23% encerrando a 615,00 iuanes, diante do preço de liquidação de 629,00 iuanes por tonelada da véspera.

Em relação ao vergalhão de aço, a sessão desta quinta-feira foi mais próxima da estabilidade, para os papeis que são transacionados na bolsa de mercadorias da também chinesa cidade de Xangai. O contrato mais líquido, para janeiro de 2020, avançou 1 iuan para 3.324 iuanes por tonelada. Já o segundo em volume, de maio do mesmo ano, somou 4 iuanes para 3.203 iuanes por tonelada.

No caso do petróleo, a jornada é marcada por queda do preço do produto nas principais praças de negociação. O barril do tipo Brent, referência em Londres, recua 0,79%, ou US$ 0,47, a US$ 58,95. Já em Nova York, o WTI tem queda de 0,97%, ou US$ 0,52, a US$ 52,84.