#VIVR3 Paladin cede novo empréstimo de ate 6M no modelo DIP para a VI... - GuiaInvest

Ibovespa

Desconectado
Crie sua conta
ou
faça o login
para criar sua lista de ações
TOP
SobeOuDesce
  • 17 de julho às 08:58
#VIVR3 Paladin cede novo empréstimo de ate 6M no modelo DIP para a VIVER;
Conselho aprova alongamento do prazo para pagamento de empréstimos que estavam a vencer.

Fundo maior acionista JIVE tem 35M de emprestimos com a viver fora a % de maior acionista


VIVER INCORPORADORA E CONSTRUTORA S.A. - em Recuperação Judicial,
(“Companhia” ou “Viver”), em atendimento às disposições do artigo 157, § 4º da Lei 6.404/76
e da Instrução CVM nº 358/2002, comunica aos seus acionistas e ao mercado em geral que o
Conselho de Administração, em reunião realizada na presente data, aprovou a celebração entre
a Companhia e a Paladin Prime Residential Investors (Brazil) LLC de Contrato de Financiamento
na modalidade “debtorin-possession financing” (“Financiamento DIP”), no valor total de até
R$6.114.743,16 (seis milhões, cento e quatorze mil, setecentos e quarenta e três Reais e
dezesseis centavos), sendo que a liberação de recursos está previsto para ocorrer até 17 de
julho de 2019.

O Financiamento DIP tem como objetivo ajudar a Companhia na manutenção de suas atividades
e a superar a momentânea crise econômico-financeira que vem enfrentando e que produziu um
estrangulamento em seu capital de giro. O montante mutuado, muito embora fundamental para
o atual fluxo de caixa, não agrava de forma significativa o endividamento global do Grupo Viver.
A celebração do Financiamento DIP se insere no âmbito do processo de recuperação judicial que
a Companhia vem passando, o qual será devidamente comunicado ao Juízo da 2ª Vara de
Falências e Recuperações Judiciais da Comarca da Capital do Estado de São Paulo.

Também foi aprovado pelo Conselho de Administração o alongamento do prazo de pagamento
do Financiamento DIP contratado em 2017 (conforme fatos relevantes divulgados em 07 de
fevereiro de 2017 e 07 de junho de 2018), bem como a sua cessão, juntamente com os
Financiamentos DIP firmados em 2018 (conforme fato relevante divulgado em 01 de novembro
de 2018) e 2019 para o FUNDO DE LIQUIDAÇÃO FINANCEIRA – FUNDO DE INVESTIMENTO EM
DIREITOS CREDITÓRIOS NÃO PADRONIZADOS (que é acionista da Companhia, detentor de
32,45% do capital social), cujo saldo atual dos três mútuos, em conjunto, é de aproximadamente
de R$ 35.853.837,34 (trinta e cinco milhões, oitocentos e cinquenta e três mil, oitocentos e
trinta e sete reais e trinta e quatro centavos).

A Companhia permanece à disposição para quaisquer esclarecimentos adicionais que se façam
necessários.
 
Carlos
Quer dizer que os resultados do 2t2919 não darão lucro , deve ser o contrário, só recompra se passar de 2,80 ... não está tendo melhoria os últimos meses , não conseguem vender ativos ( terrenos etc)
SobeOuDesce
Mas ninguem espera lucro carlos. Reducao da divida ao maximo possivel sim.
Carlos
Olha o anterior resultado foi prejuízo de 14 M com 12 M de distratos , não tendo distratos e com a venda de M dos aptos do leilão deveria estar zero a zero , com alguma venda já deveria dar um pequeno lucro
Carlos
2,4 M da venda dos aptos faz um par de meses